NOTÍCIAS / 

PORTO DE AVEIRO

6.225 comboios, milhares de camiões retirados da estrada

02 ABR. 2020

SHARE

Ramal Ferroviário do Porto de Aveiro inaugurado há 10 anos [27.03.2010]

Esta sexta-feira, 27 de março de 2020, cumprem-se dez anos da inauguração oficial do Ramal Ferroviário do Porto de Aveiro.

Depois de um longo e moroso processo, de mais de três décadas - as primeiras referências à Ligação Ferroviária ao Porto de Aveiro constam do Plano Diretor de Desenvolvimento e Valorização do Porto e Ria de Aveiro, realizado em 1974 -, a concretização da obra representou um investimento global de 72,7 milhões de euros, tendo mobilizado perto de 200 empresas e mais de 1.500 trabalhadores.

Nesta década circularam pelo ramal um total de 6.225 comboios, tendo chegado a atingir o valor de 4 composições diárias no período de um ano, equivalendo a uma cota modal de 30% para a exportação e de 15% para o total do tráfego.

O processo de eletrificação do ramal ferroviário ficou concluído em 2015, com a mudança para locomotivas elétricas a potenciar o desempenho ambiental desta via de transporte.

Estimativas de meados de 2016 apontavam para perto de 5.900 veículos (50 veículos/dia) e uma redução de cerca de 90% de CO2, tendo em conta o padrão de veículo normalmente utilizado para o trânsito do tipo de mercadoria em causa.

O Ramal do Porto de Aveiro, também conhecido como Ramal Ferroviário do Porto de Aveiro ou Linha do Porto de Aveiro, é um ramal ferroviário que une a Plataforma Multimodal de Cacia, na Linha do Norte, ao Porto de Aveiro, numa extensão total de aproximadamente 9 kms.

O traçado desenvolve-se de Nascente para Poente, iniciando-se ao quilómetro 0+000, no Terminal Multimodal de Cacia (cerca do quilómetro 274+600 da Linha do Norte), a Sudoeste da povoação de Mataduços, terminando a Norte da Gafanha da Nazaré, no Terminal Norte do Porto de Aveiro.

Dos objetivos subjacentes à sua construção, salienta-se:

- Existência de uma infraestrutura de apoio ao Porto de Aveiro, concebida numa perspetiva multimodal, possibilitando o escoamento de mercadorias de e para o Porto de Aveiro;

- Regulação da movimentação ferroviária e encaminhamento para a Linha do Norte e Linha da Beira Alta (ligação a Espanha);

- Realização do escoamento de mercadorias num modo de transporte seguro e menos poluente;

- Redução do transporte de mercadorias rodoviário, devido à transferência para o modo ferroviário.

Receba no seu email apenas
informações personalizadas
sobre o Porto de Aveiro.

SUBSCREVER NEWSLETTER